Somos uma empresa global de marketing de serviços focada em eventos de negócios.

 

Para melhor visualização do site, use preferencialmente o Google Chrome ou Firefox

 

display

A economia de Goiás vai viver um dos maiores saltos de sua histórica nos próximos anos com os investimentos em logística e infraestrutura realizados pelo poder público e iniciativa privada. O prognóstico foi feito hoje pelo governador Marconi Perillo, durante o 9º fórum do projeto Agenda Goiás, realizado em Anápolis, sob o tema Infraestrutura e Logística. O evento, que buscou debater propostas e sugestões para incrementar o desenvolvimento na Região Central do Estado, contou com a participação de representantes de 31 municípios da região, dezenas de empresários e especialistas, com objetivo de elencar projetos que agreguem competitividade para Goiás nos próximos 10 anos.

Marconi lembrou que os 3,3 mil metros da pista do Aeroporto de Cargas de Anápolis, uma obra realizada pelo governo estadual e vistoriada por ele durante sobrevoo antes do evento, já estão prontos. O Estado busca agora viabilizar sua concessão. “O Aeroporto de Cargas, que integra a Plataforma Multimodal, vai gerar o maior up grade da história da economia de Goiás. Estamos pensando alto. Não há nenhuma cidade no País que tenha uma pista como esta pronta. Outras cidades que pensam em construir vão gastar de três a quatro anos para ter a licença ambiental, licitar, enfim, cumprir todo o ritual. A nossa já está finalizada. Estamos amadurecendo um projeto que talvez seja referência para o mundo”, disse.

Além da plataforma, o transporte ferroviário é outra vertente de investimento trabalhada pelo poder público e pela iniciativa privada em Goiás, lembrou Marconi. Segundo ele, existe o interesse dos chineses em investir neste segmento, com a construção da Ferrovia de Integração do Centro-Oeste (Fico), um trecho da Ferrovia Transatlântica, que ligará o Oceano Atlântico ao Pacífico, passando por Campinorte, no Norte Goiano. “Estamos trabalhando para que estes investimentos aconteçam. Sabemos que logística e infraestrutura são setores importantes para o avanço do PIB, geração de emprego e renda”, avaliou.

Outro projeto férreo é o que promoverá a ligação entre Goiânia e Brasília. Marconi esclareceu que o poder público será responsável por 50% das obras dos trilhos. “Estamos acompanhando o andamento do Evtea (Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental). Os primeiros resultados são positivos. O consórcio entre Goiás e Distrito Federal vai entrar com a parte do poder público, responsável pela metade da obra. Vamos vender terrenos, levantar recursos, para fazer isto acontecer. Sabemos que esse negócio deverá estar maduro daqui a 10 anos. O restante ficará com a iniciativa privada”, disse.

Ele citou ainda o processo de concessão da malha rodoviária do Estado. “Estou animado com o cenário. Estamos preparando nosso Estado para enfrentar a crise. Estamos vendo na crise uma oportunidade de nos destacarmos. Sabemos que o resultado se dá com a união entre setor público e privado. Isso aqui em Goiás está dando certo. Depois de recuperarmos as rodovias, vamos agora fazer parcerias para que sejam geridas pela iniciativa privada. Queremos chegar, até 2018, entre os cinco Estados mais competitivos e na oitava posição do PIB. Não sei se vamos conseguir neste governo. Mas vamos chegar lá”, avaliou.

Marconi destacou ainda os resultados colhidos nos últimos 10 anos, após o primeiro Agenda Goiás, realizada em 2005. “Em 2015, a primeira edição completa 10 anos. Neste período, o Estado se modernizou, tivemos um crescimento enorme do PIB, nos colocamos entre os líderes na geração de emprego no País. O Agenda Goiás foi de extrema importância para chegarmos a estes resultados”, afirmou. Para ele, Goiás conta agora com novos instrumentos para avançar mais ainda. “Agora planejamos o Estado que queremos em 2025. Temos ainda o Goiás Mais Competitivo e Inova Goiás. Estamos amparando o Estado para crescer sua produção com agregação de valor. Ainda temos o Consórcio do Brasil Central.”

Evento

O Agenda Goiás é uma parceria entre o jornal O Popular, Governo do Estado e Sebrae Goiás. O projeto promove fóruns de discussão em dez cidades-polo regionais, buscando propostas e sugestões de políticas públicas a serem implementadas nos próximos dez anos em Goiás. Os oito fóruns já realizados pelo Agenda Goiás foram sediados em Rio Verde (Desenvolvimento Urbano), Formosa (Proteção Social), Itumbiara (Gestão Pública), Catalão (Educação), São Luís de Montes Belos (Segurança Pública), Aruanã (Meio Ambiente), Porangatu (Saúde) e Luziânia (Parcerias Público-Privadas). Após Anápolis, a décima e última edição do Agenda Goiás, este ano, será realizada na Capital, no dia 2 de dezembro, para discutir Desenvolvimento Urbano na Região da Grande Goiânia.

Um dos palestrantes do evento, o economista e ex-diretor geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), reguladora dos serviços públicos de transporte ferroviário e rodoviário de carga e passageiros, Bernardo Figueiredo, afirmou que Goiás é referência em gestão pública para o Brasil inteiro. “A impressão é que o Estado faz o dever de casa. É naturalmente um centro logístico, por estar no centro do País. Para aprimorar esta característica, é preciso entender o problema que temos e o que queremos resolver, definir estratégias para construir uma logística competitiva e criar condições adequadas que as ações estratégias realizem. Essa metodologia do governador Marconi em envolver o Estado com que a sociedade se aproprie do projeto, por meio da agenda, é muito positiva.”

Já o fundador e diretor-presidente do Instituto de Logística e Supply Chain (Ilos), organização voltada para o desenvolvimento e difusão das melhores práticas de Logística, Paulo Fernando Fleury, disse durante palestra que o Brasil ainda sofre com a baixa capilaridade e qualidade da infraestrutura de transportes, com a falta de educação de qualidade em todos os níveis, as altas desigualdades sociais e a pouca confiança do mercado nas instituições nacionais. Esses problemas, somados ao excesso de burocracia e à falta de segurança nas grandes cidades, prejudicam a eficiência logística do País, afetando a sua competitividade no mercado internacional. Para ele, é preciso melhorar o sistema rodoviário e investir em novos modais, como o ferroviário.

Institucional

O prefeito de Anápolis, João Gomes, destacou as transformações oportunizadas pelo avanço em logística na cidade, graças à sinergia entre os governos estadual, federal e municipal. “Anápolis não é uma cidade ilha. É uma cidade polo, o centro da logística brasileira. A Ferrovia Norte Sul, cujo marco-zero é em Anápolis, vai viabilizar a Plataforma Logística Multimodal. Assim como o Aeroporto de Cargas, construído pelo governador Marconi Perillo. Os governos federal e estadual estão fazendo sua parte, assim como a prefeitura, que vem investindo em obras necessárias”, disse.

Segundo ele, o investimento em logística é importante porque viabiliza a industrialização e, por consequência, a geração de emprego e renda. “Antes éramos conhecidos só como uma cidade comercial. Mas a infraestrutura nos possibilitou avançar na indústria, com o nascimento e o crescimento do Daia. Agora, temos outros dois distritos em discussão. Estamos vivendo um momento ímpar nestes 108 anos de história de Anápolis, com o avanço nas parcerias entre o poder público e privado, que geram emprego e renda. No momento em que todos discutem dificuldades, nós discutimos oportunidade.”

O secretário de Meio Ambiente e Infraestrutura, Vilmar Rocha, disse que este é um evento certo, no lugar certo, com as pessoas certas. Segundo ele, o governo estadual vem buscando inserir Anápolis numa agenda nacional, para que o município se consolide como motor econômico do País. O avanço em infraestrutura, avalia, só é possível com concessões e parcerias na área de infraestrutura. “O poder público não tem poupança para investir sozinho. É preciso trabalharmos juntos com o setor privado”, afirmou.

O superintendente do Sebrae Goiás, Igor Montenegro, disse que crise é uma situação em que temos de eleger um caminho. Para isso, é preciso fazer um diagnóstico real da situação, exatamente como proposto pelo Agenda Goiás, para que os poderes público e privado trabalhem juntos com o objetivo de avançar em infraestrutura. “Goiás vem crescendo acima da media, com melhoria do IDH, diminuição da desigualdade, crescimento do PIB. Escolhemos os caminhos certos lá atrás. Agora é preciso investir em infraestrutura para avançar mais no futuro, porque nossa produção tende a crescer muito”, destacou.

De acordo com ele, nos próximos 10 anos a produção goiana de grãos crescerá pelo menos 30%; algodão 43%, milho 51%, soja 42%, leite 47%, açúcar 44%, frango 46%. Os dados são do Ministério da Agricultura. “Vamos, praticamente, dobrar a produção. É impossível fazer uma expansão tão forte como essa sem uma infraestrutura cada vez mais eficiente. Temos concorrentes internos e externos. Para isso, precisamos dos recursos privados. Será fundamental a participação da iniciativa privada nesse processo. As concessões e a abertura do capital privado serão cada vez mais fundamentais. É preciso esta parceria para atender a demanda que se espera do futuro.”

Já o secretário de Gestão e Planejamento do Estado, Thiago Peixoto, afirmou que não tem como haver avanço em competitividade, sem avanço em logística e infraestrura. “Estas são pré condições porque não se produz se não tiver o canal de escoamento adequado. Anápolis e Goiás têm uma vocação natural para a logística. Não podemos ser vistos apenas como um corredor. Temos de agregar valor. Por isso é importante esta integração. Temos de ser um hub (concentrador) para agregar valor a toda a cadeia produtiva e deixar de ser um corredor”, disse.

Fonte: Diário da Manhã

Foto: Rodrigo Cabral

Ler Mais http://ntexpo.com.br/pt/imprensa/releases/911-marconi-diz-que-logistica-e-infraestrutura-sao-fundamentais-para-desenvolvimento-de-goias

Nossos Eventos

Concrete Show South ...
Food Ingredients ...
Hospitalar
InfraPortos South ...
innovapack South ...
Intermodal South ...
Marintec South ...
NT Expo
Tissue World Sao ...

LÍDER GLOBAL

lider-global

POR QUE VISITAR?

porque-visitar

POR QUE EXPOR?

porque-expor

  • O Concrete Show é evento bastante focado, atrai potenciais compradores com olhar nas necessidades das obras. Estamos muito contentes e honrados pela participação

    O Concrete Show é evento bastante focado, atrai potenciais compradores com olhar nas necessidades das obras. Estamos muito contentes e honrados pela participação

    Ricardo Lessa – Diretor-Presidente da SCHWING-Stetter Brasil

  • A busca por inovação é uma rotina dentro das corporações. Daí a importância de uma feira como a Fi, que além de divulgar tendências permite que o profissional da área de alimentos selecione o tipo de tecnologia ou produto mais apropriado ao seu segmento, otimizando nosso tempo.

    A busca por inovação é uma rotina dentro das corporações. Daí a importância de uma feira como a Fi, que além de divulgar tendências permite que o profissional da área de alimentos selecione o tipo de tecnologia ou produto mais apropriado ao seu segmento, otimizando nosso tempo.

    Milton Fonseca - Consultor Técnico de P&D - BR Foods

  • É a nossa terceira participação na CPhI. Uma de nossas metas é aumentar o investimento no Brasil e fortalecer nosso mercado no país.

    É a nossa terceira participação na CPhI. Uma de nossas metas é aumentar o investimento no Brasil e fortalecer nosso mercado no país.

    Christian Trapaglia Gerencia Comercial – Coster Argentina

  • A Fi se consagra como o evento mais importante na América do Sul para a apresentações, discussões e constatações de avanços no campo dos ingredientes alimentares, imprescindíveis para apoiar a produção de alimentos com qualidade, saudáveis, seguros e sustentáveis.

    A Fi se consagra como o evento mais importante na América do Sul para a apresentações, discussões e constatações de avanços no campo dos ingredientes alimentares, imprescindíveis para apoiar a produção de alimentos com qualidade, saudáveis, seguros e sustentáveis.

    Moacyr Fernandes - Diretor Presidente do IBRAF

  • Para nós a InfraPortos foi fundamental. Encontramos muitos clientes em potencial e, principalmente, profissionais qualificados e com função de decidir pela escolha de um serviço ou produto.

    Para nós a InfraPortos foi fundamental. Encontramos muitos clientes em potencial e, principalmente, profissionais qualificados e com função de decidir pela escolha de um serviço ou produto.

    Arthur Briggs - Gerente - Mampaey

  • É um momento de geração de negócios. Foi a primeira edição que realizamos essa rodada de negócios, e ela foi muito bem-sucedida. Pretendemos continuar com a rodada de negócios e trazer os outros países também.

    É um momento de geração de negócios. Foi a primeira edição que realizamos essa rodada de negócios, e ela foi muito bem-sucedida. Pretendemos continuar com a rodada de negócios e trazer os outros países também.

    Natália Porto Coordenadora de projetos internacionais – Brazilian Pharma Solutions

  • A ESC se tornou o evento mais importante para o setor de eletrônica no Brasil, ocupando um importante espaço no país. Aqui, os profissionais acabam encontrando todos os principais clientes do mercado e todos os leads do nosso negócio. A Texas está há 50 anos no Brasil e vemos que, há exemplo... Ler Mais...

    A ESC se tornou o evento mais importante para o setor de eletrônica no Brasil, ocupando um importante espaço no país. Aqui, os profissionais acabam encontrando todos os principais clientes do mercado e todos os leads do nosso negócio. A Texas está há 50 anos no Brasil e vemos que, há exemplo do que ocorreu nos Estados Unidos, a ESC se tornou um fórum muito importante para a indústria de sistemas embarcados, para expor e fazer negócios e ficar em contato com as novidades do mercado brasileiro. Esta é a nossa terceira feira no Brasil e o público foi muito bom.


    Marcelo Williams e Maria Cristina M. de Almeida Sampaio Gerente de vendas e Gerente de Comunicações - Texas Instruments

  • O evento foi uma grata surpresa. A iniciativa do fórum é muito interessante, e melhor, em sintonia com o que o governo está fazendo para favorecer a inovação. Fóruns como esse são muito importantes porque envolvem vários setores da economia. Uma entidade como a ABIMO representando os... Ler Mais...

    O evento foi uma grata surpresa. A iniciativa do fórum é muito interessante, e melhor, em sintonia com o que o governo está fazendo para favorecer a inovação. Fóruns como esse são muito importantes porque envolvem vários setores da economia. Uma entidade como a ABIMO representando os fabricantes, os empresários trazendo questionamentos pertinentes e, na outra ponta, o governo poder saber das dificuldades e desafios que o setor enfrenta. A organização teve a felicidade de reunir todos os setores, representantes do governo e SEBRAE auxiliando as PMEs, o FINEP estimulando as empresas já maduras que precisam de recursos para ganhar esta musculatura e, por fim, o BNDES apoiando as empresas maiores a ter força para competir até no mercado externo.

    Paulo Henrique Dantas Antonino - Ministério da Saúde - Secretara de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos

  • É um evento referência no mundo. Queremos mostrar que a Epson é muito mais que impressoras e a MD&M Brazil nos proporciona com exatidão esse conceito e novos negócios. Nossa matriz nos Estados Unidos já participa dessa feira há muitos anos e estamos seguindo seus passos.

    É um evento referência no mundo. Queremos mostrar que a Epson é muito mais que impressoras e a MD&M Brazil nos proporciona com exatidão esse conceito e novos negócios. Nossa matriz nos Estados Unidos já participa dessa feira há muitos anos e estamos seguindo seus passos.

    Marta Machado - Gerente de Contas - Robótica da Epson do Brasil

  • Vim de Santa Catarina exclusivamente para visitar o evento e participar das conferências. Tanto a exposição quanto os programas de conteúdo trazem valores imensuráveis para que eu possa fazer novas avaliações em inovação dentro da empresa onde atuo. A teoria das palestras e treinamentos... Ler Mais...

    Vim de Santa Catarina exclusivamente para visitar o evento e participar das conferências. Tanto a exposição quanto os programas de conteúdo trazem valores imensuráveis para que eu possa fazer novas avaliações em inovação dentro da empresa onde atuo. A teoria das palestras e treinamentos com a prática da feira em si é a real sinergia.

    Danny Efrom – Gerente da Neoyama

  • A MedTec MD&M Brazil é uma feira muito interessante, conseguimos fechar uma parceria aqui no evento e a compra de uma máquina. O que estávamos buscando, encontramos. A feira realmente está de parabéns.

    A MedTec MD&M Brazil é uma feira muito interessante, conseguimos fechar uma parceria aqui no evento e a compra de uma máquina. O que estávamos buscando, encontramos. A feira realmente está de parabéns.

    Helton Macedo - Representante da Spine Implantes

  • A Intermodal possui um público especializado e muito bom, assim como seus expositores. Portanto vir a Intermodal é como dar uma volta ao redor do mundo em três dias.

    A Intermodal possui um público especializado e muito bom, assim como seus expositores. Portanto vir a Intermodal é como dar uma volta ao redor do mundo em três dias.

    Luís Ortiz - Porto de Montevideo - Uruguay

  • A Intermodal é perfeita para conhecer as tendências, entender os mercados e saber das novidades, além de termos a oportunidade de reforçar o relacionamento com nossos clientes e conhecer seus concorrentes, para sempre ter alternativas de logística para nosso negócio.

    A Intermodal é perfeita para conhecer as tendências, entender os mercados e saber das novidades, além de termos a oportunidade de reforçar o relacionamento com nossos clientes e conhecer seus concorrentes, para sempre ter alternativas de logística para nosso negócio.

    Fábio Pereira Nogueira - Improvement Specialist LAA Supply Chain – Dow Brasil

  • A Intermodal é perfeita para conhecer as tendências, entender os mercados e saber das novidades, além de termos a oportunidade de reforçar o relacionamento com nossos clientes e conhecer seus concorrentes, para sempre ter alternativas de logística para nosso negócio.

    A Intermodal é perfeita para conhecer as tendências, entender os mercados e saber das novidades, além de termos a oportunidade de reforçar o relacionamento com nossos clientes e conhecer seus concorrentes, para sempre ter alternativas de logística para nosso negócio.

    Fábio Pereira Nogueira Improvement Specialist LAA Supply Chain – Dow Brasil

  • A feira possui um público especializado e muito bom, assim como seus expositores. Portanto vir a Intermodal é como dar uma volta ao redor do mundo em três dias.

    A feira possui um público especializado e muito bom, assim como seus expositores. Portanto vir a Intermodal é como dar uma volta ao redor do mundo em três dias.

    Luís Ortiz Porto de Montevideo - Uruguay

Últimas Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
Prev Next

Preço de lácteos cai pela terceira vez c…

15-12-2015 Food Ingredients South America

Realizado no último dia 17 de novembro, o leilão nº 152 da plataforma Global Dairy Trade (GDT, Estados Unidos) apontou queda pela terceira vez consecutiva no preço dos lácteos. O...

Saiba +

Padrões GS1 orientam empresas que adotam…

15-12-2015 Food Ingredients South America

Resolução RDC 24/2015, que trata do recolhimento de alimentos e a sua comunicação à Agência Nacional de Vigilância Sanitária, entra em vigor em 06 de dezembro com apoio da GS1...

Saiba +

Estudante cria bebida à base de soro de …

15-12-2015 Food Ingredients South America

Bebida tem baixo custo de produção e minimiza impactos ambientais.A aluna Ana Amélia Puppio, do curso de mestrado em Ciência e Tecnologia de Leite e Derivados da Unopar, orientada pelo...

Saiba +

DuPont apresenta enzima que renova proce…

15-12-2015 Food Ingredients South America

As enzimas DuPont™ Danisco® POWERMill™ permitem redução de até 50% de tempo de condicionamento do grão, economia de de 10 a 20% de energia, com taxas mais altas de extração...

Saiba +

Suplementos: os brasileiros adoram

15-12-2015 Food Ingredients South America

Uma pesquisa inédita mostrou que 54% dos brasileiros tomam algum tipo de suplemento alimentar. O índice é quase igual ao dos Estados Unidos, onde 68% das pessoas afirmam utilizá-losEspecialistas alertam...

Saiba +

A reinvenção dos alimentos

15-12-2015 Food Ingredients South America

Hoje a maior preocupação das empresas alimentícias é acompanhar a tendência do mercado de alimentos que reúne o trinômio: saúde + sabor + conveniência para reinventarem seu portfólio.No Brasil, o...

Saiba +

JBS nas causas e nas redes sociais

15-12-2015 Food Ingredients South America

FRIBOI lança app #VocêÉaDiferença para o Instituto Chefs Especiais.Como forma de apoio ao Instituto Chefs Especiais, projeto que promove a inclusão social de jovens com Síndrome de Down por meio...

Saiba +

Alta ingestão de sal e novos estudos des…

15-12-2015 Food Ingredients South America

Como o teor de sal das dietas ocidentais continua aumentando, pesquisas têm demonstrado consequências significativas para a saúde reprodutiva das gerações futuras.Um estudo apresentado no Congresso Europeu de endocrinologia em...

Saiba +

Grace aposta no crescimento da última ge…

14-12-2015 Concrete Show South America

Recurso essencial à vida, questões sobre consumo de água estão sempre em foco no dia a dia das pessoas. Reforçado pela crise hídrica que atinge diversas regiões do Brasil, o...

Saiba +

Saiba mais sobre o trabalho e a inovação…

14-12-2015 Food Ingredients South America

Desde ajudar os nossos clientes com desafios de formulação até à aceleração da inserção de produtos novos e inovadores no mercado, as equipes de nível internacional da Capsugel proporcionam uma...

Saiba +

Marconi diz que logística e infraestrutu…

14-12-2015 NT EXPO

A economia de Goiás vai viver um dos maiores saltos de sua histórica nos próximos anos com os investimentos em logística e infraestrutura realizados pelo poder público e iniciativa privada....

Saiba +

Sem inovação não há evolução

14-12-2015 Food Ingredients South America

Seguindo essa estratégia, a Döhler investe 10% da receita global em pesquisa e desenvolvimento de produtos. No Brasil, investiu numa das mais modernas plantas de fabricação de ingredientes do mundo...

Saiba +

Move São Paulo é o novo afiliado da ANPT…

09-12-2015 NT EXPO

 A partir deste mês de novembro, a Concessionária Move São Paulo passou a integrar o corpo de associados da Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos (ANPTrilhos). A Move...

Saiba +

Tenaris inaugura laboratório de corrosão

08-12-2015 Marintec

A Tenaris inaugurou em 24 de novembro um laboratório de corrosão em sua planta produtiva em Pindamonhangaba (SP). Com investimento de US$ 2,8 milhões, construído numa área de 180 metros...

Saiba +

Redução de custos de E P ajuda a manter …

08-12-2015 Marintec

A queda nos preços do barril de petróleo no mercado mundial desafia pesquisadores a encontrar soluções para viabilizar a exploração de óleo e gás nas próximas décadas. A necessidade de...

Saiba +

Jotun inaugura fábrica de R$ 100 milhões…

08-12-2015 Marintec

A Jotun conta, desde 17 de novembro, com sua primeira fábrica na América do Sul, instalada no município de Itaboraí (RJ). Dedicada à fabricação de tintas marítimas e indústrais, a...

Saiba +

Pesa entrega motores para embarcação flu…

08-12-2015 Marintec

A Paraná Equipamentos S.A (PESA), revendedora de equipamentos, peças e serviços da Caterpillar, acaba de realizar a entrega técnica de mais um conjunto de motores marítimos de propulsão da marca...

Saiba +

Petroleiras esperam novos leilões do pré…

08-12-2015 Marintec

O Instituto Brasileiro de Petróleo (IBP) avalia em algo entre 1,6 bilhão e dois bilhões de barris as reservas descobertas no pré-sal que podem ir a leilão. Para a entidade,...

Saiba +

Bem-vindo a bordo!

08-12-2015 Marintec

Você está pronto para embarcar em uma das viagens mais bonitas já realizadas em alto mar? Este vídeo em time-lapse retrata uma expedição norueguesa a bordo do navio Hurtigruten, que...

Saiba +

Mac Laren e Vard apostam na construção d…

08-12-2015 Marintec

 Uma parceria entre os estaleiros Mac Laren e VARD tenta viabilizar a manutenção das atividades na unidade da Ilha da Conceição, em Niterói (RJ). O arrendamento vence no final de...

Saiba +

LafargeHolcim confirma participação em 2…

08-12-2015 Concrete Show South America

Após um ano longe dos holofotes do Concrete Show, por conta da reestruturação após a fusão, a cimenteira confirmou a participação na edição de 10 anos do evento.A gigante mundial...

Saiba +
ubm-white-03

 

Alameda Tocantins, 75
Alphaville - Barueri
SP - Brasil
CEP: 06455-020
Tel: +55 11 4878 5990